Seguidores

sexta-feira, 5 de agosto de 2016

Uma reflexão para o Dia dos Pais

O PAI NUNCA DESISTE

Havia um homem muito rico, possuía muitos bens, uma grande fazenda, muito gado e vários empregados.
Tinha ele um único filho, que, ao contrário do pai, não gostava de trabalho nem de compromissos.
O que ele mais gostava era de festas, estar com seus amigos e de ser bajulado por eles.
Seu pai sempre o advertia que seus amigos só estavam ao seu lado enquanto ele tivesse o que lhes oferecer, depois o abandonariam. Os insistentes conselhos do pai soavam aos ouvidos e logo se ausentava sem dar o mínimo de atenção. Um dia o velho pai, já avançado na idade, disse aos seus empregados para construírem um pequeno celeiro e dentro do celeiro ele mesmo fez uma forca, e junto a ela, uma placa com os dizeres: 
"Para você nunca mais desprezar as palavras de seu pai”.
Mais tarde chamou o filho, o levou até o celeiro e disse:
- Meu filho, eu já estou velho e quando eu partir, você tomará conta de tudo o que é meu, e conhecendo o seu coração eu posso saber qual será o seu futuro. Você vai deixar a fazenda nas mãos dos empregados e irá gastar todo dinheiro com seus amigos, irá vender os animais e os bens para se sustentar, e quando não tiver mais dinheiro, seus amigos vão se afastar. 
E quando você não tiver mais nada, vai se arrepender amargamente de não ter me dado ouvidos.
É por isso que eu construí esta forca; sim, ela é para você, e quero que me prometa que se acontecer o que eu disse você se enforcará nela.
O jovem riu, achou absurdo, mas, para não contrariar o pai, prometeu e pensou que jamais isso pudesse ocorrer.
O tempo passou, o pai morreu e seu filho tomou conta de tudo, mas assim como o velho pai dissera, o jovem gastou tudo, vendeu os bens, perdeu os amigos e a própria dignidade.
Desesperado e aflito, começou a refletir sobre a sua vida e viu que havia sido um tolo, lembrou-se do pai e começou a chorar e dizer:
- Ah, meu pai, se eu tivesse ouvido os teus conselhos, mas agora é tarde, é tarde demais.
- Pesaroso, levantou os olhos e viu o pequeno celeiro, era a única coisa que lhe restava.
A passos lentos se dirigiu ate lá e, entrando, viu a forca e a placa empoeirada e disse:
- Eu nunca segui as palavras do meu pai, não pude alegrá-lo quando estava vivo, mas, pelo menos desta vez, vou fazer a vontade dele. Vou cumprir sua vontade, não me resta mais nada.
Então subiu nos degraus e colocou a corda no pescoço e disse:
- Ah! se eu tivesse uma nova chance ...
E pulou, sentiu por um instante a corda apertar sua garganta, mas o braço da forca era oco e quebrou-se facilmente, o rapaz caiu no chão, e sobre ele caíram jóias, esmeraldas, pérolas, diamantes; A forca estava cheia de pedras preciosas, e um bilhete que dizia:
- Essa é a sua nova chance. Eu te amo muito. Seu amigo e pai. 
Para você pai, que, neste dia, gostaria de ter a ajuda de Deus para ser um bom pai e um bom marido. Porque não decide hoje ser o dia da sua nova chance? Fale com Deus, convide-o para entrar no seu coração. Nenhuma família será completa enquanto Cristo não for membro dela.

VITAMINAS DO PAPAI

9 crianças representando 9 vitaminas: A (Atenção), C (Carinho), D (Disciplina), E1 (Encorajamento); E2 (Equilibrio), F (Fé), M (Memória), O (Oração), P (Paciência).

Vestidos como um vidro (papel crepom e papel celofane). Na cabeça um chapéu como se uma rolha ou tampa de vidro.
NARRADOR 1 - Os pais modernos procuram verificar se os seus filhos recebem todas as vitaminas necessárias para a boa saúde e o crescimento normal de seus filhos. Mas, será que as mesmas crianças estão recebendo vitaminas tão importantes para o desenvolvimento de personalidades sadias e do crescimento espiritual dentro do padrão estabelecido por Deus segundo a Sua Palavra?Neste dia do papai, aqui estão algumas vitaminas necessárias à cada família.(Entra a vitamina A, e fala:)VITAMINA A (ATENÇÃO) - Todas as crianças precisam de porção diária de atenção. Não esqueça, papai!NARRADOR 2 - Cada criança, não importa a idade, carece de certa dose de vitamina A diariamente. O nenê exige, e, normalmente, recebe a atenção a que tem direito; mas, às vezes, nós nos esquecemos da necessidade que a criança maior tem de nossa atenção. Tempo e atenção dos pais para com o filho, é vitamina importante para que este cresça sentindo que é uma pessoa digna de ser amada. Se seu filho estiver dando algum problema, experimente dar-lhe uma generosa quantidade desta vitamina e verá como vai dar certo. Uma criança prefere ser notada e castigada por qualquer travessura do que deixar de ser notada.(Entra a vitamina C, e fala:)VITAMINA C (CARINHO) - Que vitamina gostosa! Papai, sempre me ofereça esta vitamina com leite ou com laranja.NARRADOR 1: Carinho, com beijos e abraços. Esta vitamina é semelhante a atenção, mas é bom considerá-la individualmente, por ser muito importante ao nenê e à criança pequena. Os maiorzinhos também precisam dela, em quantidade mais moderada. Para o pequenino proporcione esta vitamina em doses grandes e freqüentes. Não se preocupe em viciá-lo. Esta vitamina é tão necessária quanto o alimento diário. A falta do contato físico com um ser humano carinhoso é um fator que pode até contribuir para a mortalidade infantil. A deficiência desta vitamina causa uma doença chamada MARASMO, isto é, a criança deixa de reagir ao ambiente, recusa comer, deixa de crescer e finalmente até morre Veja, papai, como é importante a vitamina CARINHO, demonstrada fisicamente.(Entra a vitamina D, e fala:)VITAMINA D (DISCIPL1NA) - Se o papai não me der esta vitamina, eu não cresço direito. Xiii...é uma vitamina com gosto ruim.NARRADOR 2 - Disciplina. A Bíblia nos diz: “A estultícia está ligada ao coração da criança, mas a vara da DISCIPLINA a afastará dela” (Pv 22:15). A colocação de limites oferece segurança para a criança. Ela precisa saber as regras para ter um bom procedimento. Se ela aprender a respeitar a autoridade dos pais no lar, não terá problemas quanto às autoridades escolares e civis. Papai ofereça esta vitamina ao seu filho conforme surgir a necessidade; não se esqueça de misturá-la com uma boa dose de amor. (Entra a vitamina E1, e fala:)VITAMINA E1 (ENCORAJAMENTO) - Papai, para eu andar e fazer as coisas difíceis, você comprar muitos comprimidos desta vitamina. E que gostinho bom ela tem... NARRADOR 1 – Encorajamento. A criancinha necessita de grande quantidade desta vitamina quando vai dando os seus primeiros passos cambaleantes, quando luta com o zíper do seu agasalho ou procura amarrar os sapatos. O filho maior precisará de uma dose e especial quando procurar dominar um instrumento musical ou relutar com a resposta a algum problema de matemática. As crianças precisam de encorajamento nas suas vidas espirituais o que poderá ser dado individualmente e no culto doméstico, Leve-as a Cristo. Faça com que seus filhos tenham confiança em você e contem seus problemas. Nunca pense em trair esta confiança.(Entra a vitamina E2, e fala:)VITAMINA E2 (EQUILIBRIO) – Com esta vitamina eu não vou cair. Vou saber andar direitinho na vida.NARRADOR 2 – As crianças devem ser ensinadas com equilíbrio. Dessa forma elas vão aprender a levar uma vida equilibrada, para um bom desenvolvimento espiritual e emocional. E natural que os filhos e suas necessidades fiquem em primeiro plano, e, muitas vezes, os pais dedicam muito tempo ao trabalho para suprir as suas famílias. Mas os pais devem se lembrar que tudo tem o seu tempo determinado, e há tempo para todo o propósito debaixo do céu (Ec 3:1), e, portanto, o tempo de estar com a família, é muito importante, também. Assim fazendo, os seus filhos terão uma referência saudável, viver uma vida feliz e equilibrada.(Entra a vitamina F, e fala:)VITAMINA F (FÉ) - Eu sou a vitamina que faz a gente crescer forte e bonito para o Senhor Jesus. Vamos tomá-la?NARRADOR 1 - O melhor presente que você poderá dar aos filhos é inculcar em seus corações uma FÉ inabalável num Pai Celeste amoroso. Você deve ensinar-lhes o caminho da salvação e treiná-los nas coisas de Deus., orando sempre para que eles tenham o mais rápido possível o conhecimento pessoal de Deus. . Mesmo uma criança pequenina tem capacidade para aprender sobre Deus. Comece a ensinar-lhe desde o berço - às vezes pelo exemplo mais do que pelas palavras.(Entra a vitamina M, e fala:)VITAMINA M (MEMÓRIA) - Papai, coloque em minha cabecinha coisas boas e eu prometo nunca esquecê-las.NARRADOR 2 - Memória. Proporcione aos seus filhos lembranças felizes que ninguém poderá tirá-las deles. Memórias da família bem unida - lendo histórias antes de dormir, saindo para piqueniques familiares, trabalhando juntos em casa ou no quintal, saindo de férias, orando juntos ao lado da cama e muitas coisas mais. Para deixar memórias felizes, não e preciso muito dinheiro, mas sim tempo, esforço e coração cheio de amor. E provável que seus filhos vão se lembrar mais das caminhadas com você pelo parque do que dos móveis bonitos que completam a sua sala.(Entra a vitamina O, e fala:)VITAMINA O (ORAÇÃO) - Com esta vitamina, eu saberei o que Deus tem de bom para mim, e saberei conversar com Ele.NARRADOR 1 - Papai, como suas crianças precisam de suas orações! Só oração fará com que possam aprender agora os valores espirituais que os sustentarão através da vida inteira. As crianças precisam aprender a se relacionar com Deus. Elas precisam entender que Deus está pronto para ouví-las em todos os momentos da vida. Os pais não podem negar este maravilhoso ensino a seus filhos, e priva-los de uma intimidade valiosa com o Pai do Céu. Este ensino as acompanhará durante toda a vida, e elas poderão usufruir do carinhoso cuidado paterno de Deus.(Entra a vitamina P, e fala:)VITAMINA P (PACIÊNCIA) – Sem esta vitamina para eu não conseguirei ter um crescimento saudável. Papai, aproveita e toma ela também.NARRADOR 2 - Somente Deus está ciente daquilo que ficará no futuro para cada um dos pequeninos que hoje Ele confia aos cuidados dos pais. Se você puder levar em conta quão preciosos eles são e como será breve o tempo que você os tem em seu lar, talvez seja mais fácil ser paciente com eles. As crianças precisam de paciência, para não serem engolidas pelo consumismo que está minando o relacionamento nas famílias modernas. Elas precisam entender que não se pode ter tudo a hora que se quer. Os conceitos de trabalhar a terra, plantar a semente, ver a planta crescer, aguar e esperar pelos frutos, para então os colher, devem ser ensinados cuidadosamente para as crianças, o que evitará muitos aborrecimentos no futuro. Não se esqueça do conselho bíblico: Na vossa paciência, possui a vossa alma (Lc 21:18).AS CRIANÇAS RECITAM:Vitaminas necessárias para a alegria do lar.Todas que você me der eu vou tomarPapai não se esqueça que com todo o seu jeitãoVocê estará para sempre no meu coração.NARRADOR 1 - Queridos pais, quantas “VITAMINAS” são importantes e indispensáveis para a nutrição do seu filho. Que estes lembretes no Dia do Papai, sejam uma inspiração vinda de Deus, para ajudá-lo na tarefa gloriosa de educador, modelar e, sobre tudo, de ser um exemplo vivo os seus familiares.A criança que o Pai Celeste lhe deu vale muito. O Senhor pede-lhe contas por ela. Que ela possa ouvir de Deus:- Servo bom e fiel, sobre o pouco foste fiel, sobre o muito te colocarei. (Mt 25:23)NARRADOR 1 E 2 JUNTOS: Pais, não se esqueçam: Ensina a criança no caminho em que deve andar, e até quando se envelhecer não se desviará dele. (Pv. 22:6).

Sugestão Dia Dos Pais

VAMOS FALAR DE HERÓIS
PERSONAGENS:
• Um narrador.
• Sete crianças caracterizadas de heróis (com capas, chapéus, máscaras, etc.). Cada uma pode trazer um escudo na mão, com os dizeres: PAI AMIGO, PAI VERDADE, PAI CONSOLO, PAI TOLERÂNCIA, PAI SABEDORIA, PAI CORAGEM, PAI AMOR.
• Um coral com todas as crianças para a música final e entrega das lembranças.
CENÁRIO:
Representação do espaço sideral: nuvens, sol, estrelas, cometas, planetas, etc.
PROGRAMA
(Música apropriada ao fundo, bem suave. Ilumina-se o palco e entra o narrador.)
NARRADOR — Hoje quero falar de heróis. Será possível que eles existam? Com certeza já conheci alguns. E, provavelmente, aqui mesmo possa haver algum usando seu disfarce humano. Vocês sabem, heróis estão sempre disfarçados!
(A música fica mais forte; o narrador fala mais entusiasmado.)
NARRADOR — Ahá! Mas hoje vou revelar a vocês a identidade secreta de um desses heróis e também os seus segredos! Eu descobri tudo: o verdadeiro nome dele é... PAI!
(As crianças, escondidas fora do palco, gritam: Oh!)
NARRADOR — Pensando bem, ser Pai não é nada fácil. Mas, como um bom herói, ele não tem apenas a responsabilidade de trabalhar, sustentar a casa, comprar roupas e sapatos para a esposa e os filhos, e fazer outras despesas necessárias.
— todas essas coisas de humanos adultos, que vocês já conhecem. Não, não é só isso. Herói de verdade tem seus segredos! Vou revelar sete deles.
(À medida que o narrador chama pelo nome, cada criança caracterizada de herói entra no palco com os braços abertos e dó uma volta pelo palco, fazendo de conta que está voando pelo espaço. Depois, as crianças se posicionam à direita do palco.)
NARRADOR — O primeiro segredo se chama PAI AMIGO.
(Pausa, enquanto a criança anda pelo palco. Quando ela se colocar em seu lugar, o narrador prossegue.)
Que grande capacidade é esta! Ela faz o herói brincar e rir com sua criança, várias vezes por dia. O herói carrega seu pequeno nos ombros, acaricia seus cabelos, ouve suas histórias. A criança sente uma grande alegria por estar ao lado do seu herói. Eles sentam-se no chão e dão asas à imaginação. Você conhece esse herói?
O segundo segredo do herói é o PAI VERDADE.
(Pausa; a criança entra e depois se posiciona.)
Esse segredo faz o herói ser íntegro e leal. Suas palavras são pensadas e você pode confiar no que ele diz. Se prometeu ao menino que lhe daria um doce ou então uma palmada, ele não se esquece. Ele ensina a verdade ao seu pequeno, pois esse Pai sabe que a verdade fará de sua criança um forte. Você conhece esse herói?
O próximo segredo se chama PAI CONSOLO.
(A criança entra)
“Não chore, meu filho, o papai está aqui!” Esta é uma de suas frases secretas, e que poder ela tem! Pode ser um joelho arranhado, uma briga na rua, um pesadelo de noite, um coração magoado... ela cura quase tudo. Este segredo chamado PAI CONSOLO faz do herói um pai presente, perto da gente, e isso traz segurança e otimismo para enfrentar o que vem pela frente. Quem viu esse herói por aí?
Um outro segredo é o PAI TOLERÂNCIA.
(A criança entra)
Este segredo dá ao herói uma grande capacidade de não se irritar, e enfrentar as insistências dos pequenos sem perder a esportiva ou explodir. Com esse segredo, ele transforma a situação crítica de pirraças, manhas ou discussões em oportunidades para desenvolver valores como cooperação, bondade, doação. Ele se torna um pacificador. Olha esse herói aí, gente!
Há mais um segredo que é chamado PAI SABEDORIA.
(A criança entra)
Ele faz o herói reconhecer que o temor de Deus é o princípio de toda a sabedoria. O herói compreende que, sem a ajuda do Pai Celestial, sua missão aqui na terra não será cumprida. Por isso, dobra os seus joelhos e roga a Deus: “Pai Çeleste, proteja os meus filhos do mal e derrame as Tuas bênçãos sobre eles. Amém.” Palmas para esse herói!
Ainda há um outro segredo: é o PAI CORAGEM.
(A criança entra)
Todo herói precisa desta capacidade para enfrentar os desafios de nossos dias. Ela torna o herói forte em seu caráter e fiel em seus propósitos. Ajuda-o a reconhecer os seus erros e saber pedir perdão. Dá-lhe forças para dizer não aos vícios ou tentações, para que sua vida seja um exemplo para os pequenos olhos que o observam. O herói que usa este segredo enfrenta todos os desafios para que sua família não sofra qualquer perigo e sabe que sua vida ensina mais que mil palavras. Valeu, herói. Queremos conhecê-lo!
O último segredo que quero revelar se chama PAI AMOR.
(A criança entra)
Ele enche o herói com o maior de todos os sentimentos, capaz de cobrir multidão de faltas. Faz o herói saber que ninguém é perfeito, nem seus filhos ou esposa; que nem sempre as coisas são como desejadas, mas mesmo assim ele deve amar. Amar além das aparências, a ponto de pensar primeiro nos outros e não em si mesmo. Fortalece o herói para que plante amor por meio de gestos e palavras dirigidos à esposa e aos filhos, sabendo com certeza que mais tarde colherá belos frutos. Graças a Deus por sua vida, herói!
(Música alegre; todas as crianças entram para formar o coral. As crianças com os escudos ficam em destaque e levantam seus escudos à medida que o narrador vai citando-os)
NARRADOR — Um herói de verdade tem que fazer coisas surpreendentes. Ele é o Pai Amigo, o Pai Verdade, o Pai Consolo, o Pai Tolerância, o Pai Sabedoria, o Pai Coragem e o Pai Amor.
Mas sabemos que não é nada fácil ser um herói.
A sua luta, pai é realmente muito grande. Você é o herói do seu filho.
Se está faltando algum destes segredos em sua vida de herói, você pode pedir para aquele que é mais poderoso do que qualquer herói, o nosso Deus Todo-Poderoso, e Ele lhe dará. Então, você poderá dizer:
TODAS AS CRIANÇAS — “Tudo posso naquele que me fortalece.” Papai, nós amamos você.
(O coral de crianças canta uma música apropriada, a seguir, elos entregam as lembrancinhas para os pais)
Dorine Cumming Nossa

Revista O Evangelista de Crianças – APEC

sexta-feira, 22 de abril de 2016

Lição 08- Maternal- 2 Trimestre 2016: O meu Amigo faz o cego voltar a Ver





Lição 07- Maternal- 2 Trimestre 2016: O meu Amigo faz uma menina Reviver






Lição 06- Maternal- 2 Trimestre 2016: O meu Amigo acaba com a tempestade






Lição 05- Maternal- 2 Trimestre 2016: O meu Amigo faz um morto Reviver







Lição 04- Maternal- 2 Trimestre 2016: O meu Amigo Jesus Cura o filho de um oficial





Lição 03- Maternal- 2 Trimestre 2016: O meu Amigo ajuda 4 amigos






Lição 02- Maternal- 2 Trimestre 2016: Meu Amigo ajuda Pedro a pescar muitos peixes





Lição 01- Maternal- 2 Trimestre 2016: O meu Amigo transforma água em vinho








Lição 13- Primários 2016: Jesus volta a viver a vai para o Céu








Lição 12- Primários 2016: A morte de Jesus na cruz